25 de Junho de 2021

A esperança do futebol amazonense: Manaus FC completa oito anos de vida

No dia 05 de maio é comemorado o aniversário do Manaus Futebol Clube, um dos mais jovens clubes do futebol amazonense. Nestes oito anos de existência, o Gavião do Norte já viveu diversas emoções, a mais marcante delas, o acesso à Série C em 2019. Relembre conosco um pouco da trajetória do Esmeraldino.

2013 - Fundação do Clube e título da Série B

Giovanni Silva e Luis Mitoso. Estes dois homens são os grandes responsáveis pela fundação do Gavião Real. Há oito anos atrás, decidiram enfrentar todas as dificuldades e fazer história no futebol nacional, fundando o nosso amado Manaus FC.

Já em seu primeiro ano de vida, o Gavião do Norte conquistou de forma invicta o título da Série B do Barezão, derrotando na final o CDC Manicoré por 4-1, com gols de Vanilson, Renato, Emerson e Valminey.

2014 à 2017 - Primeiro título estadual na Série A do Barezão

Em 2014, 2015 e 2016 o Manaus FC disputou a elite do futebol amazonense e aprendeu muito com equipes veteranas do Amazonas, até que em 2017, o Gavião do Norte pela primeira vez na história foi campeão estadual na Série A do Barezão.

Na época, o Manaus FC sob os comandos de Aderbal Lana, enfrentou o Nacional FC, maior campeão do estado. Nas finais, o Esmeraldino venceu por 1-0 o jogo da ida, e na volta, empatou por 1-1 e conquistou o título

2018 - Bicampeonato estadual e estreia em competições nacionais

Em 2018 o Manaus mais uma vez mostrou crescimento dentro e fora de campo, fazendo uma excelente campanha no estadual. E mais uma vez, enfrentou na grande final uma equipe tradicional no Amazonas, o Fast Clube. Em um jogo muito emocionante, o Gavião emplacou uma vitória por 4-0, e conquistou seu bicampeonato estadual.

Pouco tempo depois, fez sua estreia em competições nacionais, participando da Copa do Brasil e da Série D, ambas consideradas as competições mais democráticas do país. Pela Copa do Brasil, o Gavião encarou na primeira fase o CSA de Alagoas, clube que hoje disputa a Série B do Campeonato Brasileiro. A partida foi realizada na Arena da Amazônia, e foi simplesmente de arrepiar. Por duas vezes o Manaus esteve na frente, o primeiro gol foi marcado por Deurick, e o segundo por Hamilton, porém, em duas oportunidades o CSA chegou ao empate, resultado que eliminou o Manaus FC.

Naquela noite, mesmo sem ter se classificado, o Manaus já começava a chamar atenção no cenário nacional. Já na Série D, o Esmeraldino bateu na trave e quase conquistou o acesso para a terceira divisão. Em jogos eletrizantes, acabou perdendo nos pênaltis, quis o futebol que 2019 fosse um ano marcante para o clube.

2019 - Ano do acesso

Em 2019, um pouco mais experiente e aprendendo a enfrentar jogos difíceis, o Manaus FC começou bem a temporada. No estadual, o Manaus fez história ao ser o mais jovem clube a conquistar um tricampeonato, e além disso, quebrou um tabu de 18 anos, sendo a primeira equipe a ganhar três vezes seguidas o Barezão desde 1999. Nas finais, O Manaus venceu o jogo da ida por 2-0 e empatou em 0-0 na volta, conquistando o título.

Pela Copa do Brasil, o adversário da vez foi o Vila Nova, de Goiás. Mais uma vez o Esmeraldino saiu na frente com Hamilton, porém, sofreu o empate e se despediu na primeira fase da competição, no entanto, cada vez mais o clube ganhava repercussão no cenário nacional.

Na Série D daquele ano, o clube já estava mais "calejado", e ainda não sabíamos, mas viveríamos grandes emoções na competição. Na fase de grupos, o Manaus foi líder de seu grupo, teve a melhor defesa e melhor ataque. Avançando no mata-mata, o Gavião derrotou equipes como o São Raimundo (PA), Real Ariquemes (RO) e chegou mais uma vez no jogo do acesso, onde enfrentou o S.E.R Caxias.

No jogo da ida, o Manaus foi derrotado por 1-0, porém, não se escondeu na partida e gerou um clima de que em casa poderia dar a volta por cima. Já pelo jogo da volta, mais de 40 mil amantes do futebol amazonense, que já haviam visto os irmãos Piola, Delmo e Clóvis Aranha Negra, desta vez presenciarem seu "time de índios" derrotar o Caxias por 3-1 e após longos anos colocar novamente o Amazonas na Série C do Brasileirão. O Manaus conseguiu ainda avançar para a final após derrotar a Jacuipense (BA) nas semifinais, e foi vice-campeão nacional, enchendo o povo amazonense de orgulho e mostrando toda a força de nosso estado mesmo com todas as dificuldades enfrentadas.

2020 - Segunda fase na Copa do Brasil e Série C

Em 2020 o Manaus FC esteve frente a frente com o Coritiba (PR), na época, participante da elite do futebol brasileiro. Naquela noite na majestosa Arena da Amazônia, o Gavião mais uma vez fazia história com um chute indefensável de Rossini, estufando as redes do adversário. E quando mais uma vez parecia que sofreríamos o gol de empate, Jonathan pegou um pênalti do atacante Sassá e confirmou a classificação do Manaus para a segunda fase da Copa do Brasil.

O Gavião do Norte lutou bravamente na fase seguinte, mas foi derrotado pelo G.E Brasil de Pelotas, fora de casa, e focou suas atenções para a Série C. Mesmo enfrentando uma pandemia que afastou totalmente a presença de público nos estádios e fazendo com que o retorno financeiro do clube fosse afetado, mas mesmo assim, com a segunda menor folha salarial da competição e enfrentando equipes centenárias, o Manaus FC foi quinto colocado no Grupo A, ficando a poucos pontos de brigar no quadrangular final para a Série B.

2021 - a história sendo escrita

Já em 2021, o Manaus Futebol Clube novamente avançou para a segunda fase da Copa do Brasil, derrotando o Jaraguá (GO) fora de casa por 4-1, e enfrentou o Bahia na segunda fase. Mesmo com a derrotada para a equipe baiana, o Manaus mostrou seu valor e terminou sua participação na Copa do Brasil de cabeça erguida. Além disso, o Gavião foi semifinalista na Copa Verde de 2020 e atualmente, está brigando por uma vaga na final do Campeonato Amazonense de 2021, e até o fim de maio, fará sua estreia na Série C de 2021.

Que juntos com seu povo, possamos voar ainda mais alto, jogando para fazer história.

Fonte: ASCOM Manaus FC
Foto: Ismael Monteiro / Manaus FC

Deixe seu comentario

Patrocinadores